contumelias_livros

Polícia à portuguesa“, “Justiça à portuguesa” e “Polícias à portuguesa“, publicados em 2008, 2009 e 2011 – os primeiros pela LeYa e o último pela Babel; cujos direitos de autor revertem integralmente a favor de viúvas de efectivos das forças de segurança mortos em serviço.